Home / Cultura / Historiador explica origem do Dia de Finados: “Práticas antigas ao cristianismo”

Historiador explica origem do Dia de Finados: “Práticas antigas ao cristianismo”

  Por: Roberto Viana/BNews  Por: Victor Pinto e Aina Kaorner 

A morte sempre foi um tema discutido em diversas culturas, desde as mais antigas civilizações, como os egípcios, que construíram pirâmides e realizavam rituais de mumificação.

Segundo historiador Rafael Dantas, apesar do culto aos mortos estar presente em diversas sociedades, a data específica para comemorar o Dia de Finados, celebrado no dia 02 de novembro, só surgiu no século XIII.

“Foi um momento em que a igreja católica entendeu a importância de escolher uma determinada data para este evento, um dia depois do Dia de Todos os Santos, que é comemorado em 1º de novembro”, contou, em entrevista ao BNews.

Apesar de ser uma data criada pela igreja católica, o historiador ressalta que a prática não pertence apenas ao cristianismo.

“Antes da criação do Dia de Finados, o mundo católico já dialogava com essas práticas em relação aos mortos. São práticas antigas, de outras culturas e religiões hibridas ao cristianismo, que perambulavam pela ótica cristã. Os egípcios, por exemplo, já mantinham esse culto há 4 mil anos, antes de Cristo”, destacou.

Segundo ele, o hábito de visitar os entes queridos em cemitérios só surgiu no século XIX: “Em Salvador, esse costume começou mais precisamente no cemitério do Campo Santo, que foi o primeiro da cidade”, lembrou.

Ainda de acordo com o historiador, a data nem sempre foi feriado: “A data só foi oficializada como feriado, no Brasil, depois do ano 2000”, explicou.

Sobre Padrão do site

Um site que leva até você tudo sobre o que acontece em Salvador, na Bahia, no Brasil e no mundo. Com fatos Policiais, Culturais, Esportivos, Entretenimentos e muito mais para que você possa ficar bem informado.

Veja Também

IBGE: Bahia Tem Maior Taxa De Desemprego Do Brasil

19/11/19 16:54 Foto por: Ilustrativa Matéria por: Redação Conexão Salvador Um levantamento divulgado pelo Instituto Brasileiro ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.