Home / Destaque / Bolsonaro considera se filiar ao Partido Militar caso deixe o PSL

Bolsonaro considera se filiar ao Partido Militar caso deixe o PSL

[Bolsonaro avalia se filiar ao Partido Militar caso deixe o PSL]
02 de Novembro de 2019 ⋅ 11:00 Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil Por Lara Curcino

O presidente Jair Bolsonaro, que vive em momentos de conflito com seu próprio o PSL,  Já analisa novas opções caso abandone a legenda. De acordo com o Estadão, uma alternativa seria o Partido Militar Brasileiro.

Segundo o jornal, o chefe do Executivo enviou emissários para realizar uma sondagem sobre em que pé anda a sigla articulada pelo deputado Capitão Augusto (PL-SP), coordenador da bancada da bala.

O pedido de criação do possível PMB foi protocolado pela Corte Eleitoral em fevereiro do ano passado. A criação já está em fase final e aguarda o aval do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para começar a operar.

Sobre Padrão do site

Um site que leva até você tudo sobre o que acontece em Salvador, na Bahia, no Brasil e no mundo. Com fatos Policiais, Culturais, Esportivos, Entretenimentos e muito mais para que você possa ficar bem informado.

Veja Também

Prefeitura fará nova ligação entre avenidas Magalhães Neto e Tancredo Neves

12/11/19 18:00 Fonte: Salvador Notícias A Prefeitura, através da Superintendência de Conservação e Obras Públicas ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.